Proteja seu cabelo contra os danos de verão

Reparar os estragos causados no cabelo, após o fim do verão,  dá trabalho e custa caro. A situação piora ainda mais se, antes de se esbaldar no mar e na piscina, você não toma os cuidados necessários para proteger os fios das agressões. "A escolha dos produtos certos e uma visita ao cabeleireiro antes de sair de férias evitam muitos danos difíceis de consertar", afirma o hairstylist Samuel Jarbes, do Vimax Art Hair Beauty, em São Paulo. Confira a seguir uma lista completa dos cuidados que não podem faltar na sua rotina e evite uma crise de arrependimento assim que o calor começar a se despedir.

Aposte em protetor solar para os fios

Antes mesmo de o verão começar, já é importante providenciar um bom protetor solar para os fios. "O que pouca gente sabe é que a proteção deste produto vai além dos raios ultravioletas. A película que ele forma em volta dos fios também age contra os danos causados pelo vento, poluição e cloro, no caso de quem usa muito a piscina", afirma o cabeleireiro Daniel Rocha, do salão Bellíssima Beauty, no Rio de Janeiro. Para saber se o seu condicionador ou leave-in oferece proteção solar, verifique o rótulo.  

Invista em um leave-in de qualidade

O leave-in é um dos principais aliados do cabelo no verão. Além de ajudar a desembaraçar os fios, ele finaliza a lavagem com proteção extra ao calor do secador, da chapinha ou do babyliss. Além disso, a escolha de um produto adequado ao seu tipo de cabelo faz a escova, ou o penteado que você preferir, durar mais tempo. Só não exagere na aplicação: a quantidade ideal não ultrapassa a equivalente a uma moeda de dez centavos e o creme deve ser espalhado do meio da cabeça até as pontas, jamais encostando na raiz. O uso de leave-in com proteção solar também protege as luzes ou a coloração, evitando que elas desbotem ou ganhem um tom esverdeado.

Lave bem os cabelos

No verão, é comum que o cabelo fique cheio de resíduos, como farelos de areia ou partículas de cloro. Uma boa lavagem elimina esses restos, permitindo que os produtos penetrem bem nos fios e tratem os danos. A dica de Daniel Rocha é manter a cabeça embaixo de um jato forte e constante de água, massageando bastante o couro cabeludo com as pontas dos dedos (nunca com as unhas). "Aplique sempre o xampu duas vezes e em seguida o condicionador, que deve agir por dois minutos, pelo menos. Desembarace os fios embaixo do chuveiro, é mais fácil e dá tempo para que o cabelo aproveite os benefícios do condicionador". Não esqueça a região da nuca, que acumula mais oleosidade e é mais difícil de massagear.


Escolha o xampu correto

Para Beto Fortes, cabeleireiro do Studio W, em São Paulo, o xampu ideal é o neutro. "O cabelo só precisa de uma limpeza profunda a cada quinze dias. Esse tipo de xampu resseca muito os fios e deve ser uado com cautela, de preferência no salão de beleza e seguido de uma hidratação", afirma.

Reserve agenda para a hidratação

A hidratação deve ser feita a cada dez dias durante o verão. Ela é um antídoto contra as agressões do sol, do mar, da piscina e do vento depois que os estragos já começam a dar sinais. Mas também é indicada como blindagem a tudo isso, evitando que o seu cabelo comece a ressecar ou ficar quebradiço. "A hidratação feita em casa é mais superficial e ser vê para proteger o cabelo. Já o tratamento oferecido nos salões age mais profundamente, com o objetivo de recuperar os fios danificados", afirma Fortes. Os fios mais grossos pedem cremes à base de óleo, que têm maior poder de hidratação. Cabelos finos se dão melhor com máscaras à base de proteínas, indicadas para fortalecimento.


Dê uma pausa nas químicas

Coloração, alisamento e luzes precisam ser evitadas no verão. Isso porque elas desgastam demais os fios, que podem não resistir. O ideal é esperar o verão passar para retomar os tratamentos e, no caso de tinturas para esconder os fios brancos, realizar apenas retoques. "E jamais esquecer as hidratações para manutenção do brilho e da maciez", diz Samuel Jabes.

uidado ao prender o cabelo

O suor que escorre pela nuca e abafa as costas não deixa dúvidas: um rabo de cavalo ou um coque aparecem como salvação. Mas é preciso cuidado ao fazer isso ou você corre o risco de formar nós, embaraçar os fios e quebrar um monte deles sem necessidade. Para o trio de profissionais, os melhores elásticos são aqueles forrados com pano ou de silicone, sem o acabamento de metal. "Prenda sem repuxar tanto os fios, que podem não aguentar. Com o tempo, a raiz fica enfraquecida", afirma Beto Fortes. Outra dica é prender os fios sempre secos, para evitar quebra e proliferação de fungos.





Postar um comentário

SEU IP É:

Sign by Dealighted - Black Friday Thanksgiving Deals